Powered by Blogger.
RSS

MINHA SOMBRA





Percorro nessa manhã,
um trajeto diferente.
O sol por trás,
projeta minha sombra adiante.

Ao dar um passo,
minha sombra adianta dois.
E, assim, sinto-me em fuga.
Sombreado, escondido, indefinido.

Oh!
Sol que a luz da esperança traz.
Atiras a frente de mim,
o que de dentro me pertence.
Não queira duplicar essa imagem
Ou, quem sabe, uni-las em uma só.

Vá!
Sombra.

Vá!
Adianta seus passos.
Corra e descubra antes de mim,
onde está a outra sombra.

Vá!
Juntam-se, unam-se.
E diga que me espere chegar.


Com a luz a clarear nossa união.


mochiaro/rio de janeiro

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

7 comments:

manuel marques Arroz said...

"O homem foge da sua sombra anterior para a sua luz futura."

Abraço.

Dulce Morais said...

Mochiaro,
A sombra não poderia existir sem a luz... a poesia não poderia existir sem a visão do poeta...
Perfeita união!
Abraços!

=> Crazy 40 Blog
=> Pense fora da caixa
=> Tubo de Ensaio
=> MeNiNoSeMJuIz®

Isa Lisboa said...

Acredito que por vezes temos necessidade de fugir da nossa própria sombra..Ou que por vezes nos queiramos fundir com ela... Mas em tantas coisas somos duais, também aí o teríamos que ser....!
Um belo poema!

Abraço,

Isa Lisboa
=> Instantâneos a preto e branco
=> Os dias em que olho o Mundo
=> Pense fora da caixa
=> Tubo de ensaio

Diego D' Avila said...

Na lenda de Peter Pan a sua sombra fugiu dele, ao procurá-la e voltar a se unir a ela ele encontra um grande amor. Teu poema ficou bacana e me lembrou esta história. Abraços Mochiaro.

Isa E. said...

Fiquei encantada com esse poema, Mochiaro!
Ele não é apenas palavras. Ele está vivo e fala com o leitor. Sensacional!

Cris Campos said...

Mochiaro,

O que eu mais gosto quando ando na areia é ver a sombra que me acompanha. Gostei imenso do poema!

claudia cavalcanti said...

Quando menina, tentava pular sobre minha sombra refletida na calçada. Sem saber buscava parte de mim que eu trazia sem saber. É assim que me pareceu a busca por tua sombra. Buscas poéticas, bjs

Post a Comment

Publicações populares