Powered by Blogger.
RSS

Cansei

Imagem do Google

Cansei de minha vida solitária
De Insônias, meses em solidão...
Cansei de minha lida imaginária
Em que sonhos não realizarão...
Cansei dessa vidinha que eu levo
Tão sem graça é tudo de aluguel...
Cansei de tatear feito um cego
Viver no inferno e sonhar com o céu...
E do mundo que todos conheciam
No meu reflexo dizer: ele arrasa!
Cansei de tudo, tudo que diziam...

Cansado eu saí e comprei uma casa!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

7 comments:

Jonas R. Sanches said...

Boa sua poesia... Aplaudo!

claudia cavalcanti said...

Belo poema, cansado encontrou seu lugar, bela metáfora. Se desse para "comprar Casas" novas toda vez que a que estamos nos nos cabe mais seria ótimo

claudia cavalcanti said...

Osny, teclei errado na última frase: ...não nos cabe...é o certo.

Dulce Morais said...

Osny,
Continuando a metáfora: Parece uma opção sensata, a compra de uma casa. Construí-la poderia até ser ainda melhor!
Parabéns!
Abraço.

=> Crazy 40 Blog
=> Pense fora da caixa
=> Tubo de Ensaio
=> MeNiNoSeMJuIz®

Isa Lisboa said...

Um dia temos que mudar mesmo!

Um abraço

Isa Lisboa
=> Instantâneos a preto e branco
=> Os dias em que olho o Mundo
=> Tubo de ensaio
=> Pense fora da caixa

Claudiane Ferreira de Souza da Silva said...


Osny, meu pensamento parecido com a Dulce, ainda metaforicamente falando, seria melhor que você construísse uma casa; pois, poderia acompanhar o material utilizado na base, no alicerce, bem como o desenvolvimento da construção.

JG Costa said...

E a história se reiniciou? Abraços!

Post a Comment

Publicações populares