Powered by Blogger.
RSS

FOI ASSIM por Danka Maia




O que tu escreves é porcaria,
Disse minha tia.

O que tu escreves são lorotas,
disse minha avó Carlota.

O que tu escreves não se lê,
Disse minha mãe Dona Iglê.

O que tu escreves não te levará a nada,
disse minha irmã Jocasta.

O que tu escreves é um horror,
Disse até o meu amor.

Mas houve um dia,
Que alguém disse:
O que tu escreves é sublime!


E foi então que eu comecei a escrever.


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

4 comments:

Dulce Morais said...

Os piores cegos são os que não querem ver...
Ainda bem que escreve, Danka! Podemos assim ler os seus excelentes textos!
Parabéns pelo poema!
Beijinhos!

=> Crazy 40 Blog
=> Pense fora da caixa
=> Tubo de Ensaio
=> MeNiNoSeMJuIz®

danka maia said...

Verdade,cegos vão além de quem não pode ver cores e formas..Beijinhos amada!

Isa Lisboa said...

E ainda bem que escreve, e que soube ouvir o que lhe diziam...sua alma e seu coração!

Beijos

Isa Lisboa
=> Instantâneos a preto e branco
=> Os dias em que olho o Mundo
=> Tubo de ensaio
=> Pense fora da caixa

JG Costa said...

Sorte nossa que escreves, amiga! Abraços!

Post a Comment

Publicações populares