Powered by Blogger.
RSS

Na Magia da Poesia

Imagem Google

Muitos magos convidados
Em vez da varinha... A pena,
Todos ali compenetrados
Na composição de um poema!

O primeiro a ser criado
Não foi um verso qualquer
Trata-se de um sonho desejado
Um poema com fragrância de mulher!

E com o encanto soltado
Revestido de fantasia,
Brotou um olhar espantado
Ao lerem a primeira poesia!

E o povo que estava a sofrer
De tristeza sem tal melodia,
O tal mago veio lhes oferecer
Um verso que em luz irradia!

Da rainha surgiu um gargalhar
Que nos contagiou com sua alegria,
Chamou sábios magos a trabalhar
Na magia da poesia!


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

3 comments:

Dulce Morais said...

A musa do poeta lhe ofereceu uma bela inspiração, com um toque de varinha mágica que transformou um sentimento em versos belos!

Claudiane Ferreira de Souza da Silva said...

Parabéns. Pura magia!

claudia cavalcanti said...

Lindo!Bj

Post a Comment

Publicações populares