Powered by Blogger.
RSS

Sonhos...

Vago, por ti meu coração passeia,
mas o teu nem desconfia,
e enquanto te busco,
desenrolo da língua o verso,
Helena Abreu
que preenche minha noite
preparando-me o sonho.

É nele,
alinhavado pelas rimas,
que o teu coração
vem passear junto ao meu,
e flui com ele livre de amarras
e do tempo.

É nele que tua boca entreaberta
consome meu ar,
e lança-me no regalo,
enquanto dormita o mundo.

Sonho,
e quando chegar tua manhã 
encontrarás em tua pele,
junto a um delicado coração,
meu beijo em carmesim marcado.


Cris Campos






  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

7 comments:

Dulce Morais said...

Cris,
A poesia no peito, os versos no sentir... e tu, tão doce e delicada, que nos ofereces um sonho em poema.
Perfeito!

=> Crazy 40 Blog
=> Pense fora da caixa
=> Tubo de Ensaio
=> Neo Literattus
=> MeNiNoSeMJuIz®

Marcos Antonio said...

Parece sonho, poesia e arte. Tudo o que os corações sonham e, a realidade não deixa viver.
Somente em versos, descreve o que há de mais maravilhoso da imaginação humana.
Lindos versos!

eder ribeiro said...

tão belo como o poema é o sonho versejado. Bjos, querida amiga.

Claudiane Ferreira de Souza da Silva said...

Cris, acredito que durante o sonho viajamos além do tempo, e que na maioria das vezes vamos ao encontro do que nos completa de alguma forma.
Bjs.

"alinhavado pelas rimas, que o teu coração vem passear junto ao meu,"

claudia cavalcanti said...

Concordo que nos sonhos buscamos aquilo que nos falta no dia a dia ou...também o que estamos a viver naquele momento. Sendo assim, teu belo poema é lindo em qualquer destes nossos tempos. Bjs

Carlos Moraes said...

desses sonhos se faz toda uma vida... bjs

Cris Campos said...

Obrigada pelas palavras pessoas lindas! Gr. Bj. a todos!

Post a Comment

Publicações populares