Powered by Blogger.
RSS

O velho bom moço do lago


Silêncio atravessado no olhar cariado - aplicativo imóvel. Encontrei esse caminho, pendurado na idade adulterada pelo desgaste. Na estante deparei - me no mesmo instante com essa ideia, lancei mão da minha palavra falada cuspindo fora antes mesmo que ela fugisse engasgada. Já não sei quando observo, já não sei observar. E o tempo se fez amigo se faz comigo, abreviando os sentidos. O velho bom moço do lago tem uma careca na cabeça e duas orelhas segurando as pontas do sorriso soluçado.



Por Claudio Castoriadis 
Imagem: via web

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

2 comments:

Dulce Morais said...

Parece a descrição de algo que se vê quando os nós pés estão ligeiramente acima do solo sem que nada os eleve além da magia de um instante... :)

Gostei muito, Claudio!
Abraço!

Claudio Castoriadis said...

Obrigado pela leitura Dulce! um forte abraço

Post a Comment

Publicações populares