Powered by Blogger.
RSS

Diário 2ª página - Revelação



Querido Di ,

Sinto até um pouco de dó das pessoas que não tem acesso à internet, por quaisquer motivos; pois assim como tem muitas coisas ruins, nos deparamos também com muitas coisas legais, tal como o vídeo "Declaro-me vivo ."

Amo minha loucura que me vacina contra a estupidez. Amo meu amor que me imuniza contra a infelicidade que prolifera, infectando almas e atrofiando corações.

Di, será o amor a vacina contra a infelicidade nossa e de nossos semelhantes? E como posso adquirir esse artigo de luxo? Digo luxo porque é difícil, muitas vezes inviável aceitar certas atitudes, comentários etc... e sentir amor (colocar-se no lugar do outro).

Quem  já não experimentou o gostinho da vingança, mesmo que por pensamentos? Quem já não ficou irritada com algum funcionário público, um motorista, um filho, um pai, uma mãe, um irmão, um colega de trabalho, etc... e ficou alterado? Será que se estivéssemos preenchidos de amor ao próximo agiríamos assim?

O autor fala que ama esse amor que o imuniza contra a infelicidade e me remete à música "Monte Castelo", do Renato Russo. ♫ Ainda que eu falasse a língua dos homens/ E falasse a língua dos anjos/ Sem amor eu nada seria . É só amor, e só amor/ Que conhece o que é verdade...♫

Parando por aqui, porque não tenho muito ritmo; mas, colarei aqui uns versículos da carta do apóstolo Paulo aos Coríntios, na qual foi inspirada a letra da música .

1Coríntios 13

Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.
2. E ainda que tivesse o dom da profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.
3. E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.


Por tudo a mim revelado, de hoje em diante meu querido diário, procurarei em situações adversas olhar o mundo e as pessoas com lentes de amor.

Beijos
Claudiane Ferreira 





  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

2 comments:

Carlos Moraes said...

acho que a gente não consegue amar a tudo e todos, o tempo todo, isso não é humano... mas ao colocar essa lente do amor, estamos mais próximos da evolução... "eu quero acreditar que voces ainda vão evoluir para poder amar, e amar muito mais para poder evoluir" - Casa Das Máquinas na musica O Sol

Isa Lisboa said...

Uma linda mensagem sem dúvida! O amor e o respeito pelo outro e por quem nós somos é sem dúvida o que mais precisamos!
Obrigada por partilhar, Clau!
Beijinhos

Post a Comment

Publicações populares