Powered by Blogger.
RSS

Das lendas: Chamamento nocturno

Foto: By Isaiah Stephens, United States

Despertei
De mim mesma
E alguma coisa me parecia
Diferente
Era o som, à minha volta
Nunca antes o ouvira
Assim
Tão próximo
Vindo de longe.
De um salto me levantei
Sentia o Mundo chamar-me
Da minha janela.
Abri-a
E lá estava o vento
Que passava
E até mais alto
Me deu a mão.
Daqui de cima vejo tudo
A noite chama-me
E eu quero ir.
E vou,
Abraçar os seus sons
Descobrir os mistérios
Que adivinho
Neste novo corpo
De Bastet.

- Quem sou eu? -


#Das lendas

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

4 comments:

Dulce Morais said...

Primeiro, pensei em Rapunsel, mas depois li "Um novo corpo de Bastet"...
Levaste-me até ao Egito antigo, mas fiquei perplexa quanto ao restante.

Isa, adoro estes teus desafios!

E os teus versos, apesar de misteriosos, continuam a fazer-me viajar!
Parabéns!

Claudiane Ferreira de Souza da Silva said...

Essa série é de uma profundidade cultural que deixa-me sempre no ar. Seria Morfeu? Em compensação acabo sempre a pesquisar algum elemento como por exemplo nesse o Bastet.
Beijos

E.P. GHERAMER said...

Fui conferir na wikipedia... Muito interessante!
Quanto ao seu texto... Belíssimo, Isa!

Isa Lisboa said...

:) Muito obrigada a todos!
Fico contente que os poemas tenham agradado, para lá do engima, e que o enigma vos tenha feito pensar!
O mistério foi desvendado no post de hoje :)

Post a Comment

Publicações populares