Powered by Blogger.
RSS

o instante e o poema...

Lá vem o poeta com sua coroa de louro
Agrião, pimentão, boldo
O poeta é a pimenta do planeta
Malagueta! (Paralamas do Sucesso)



o instante 
só se conjuga no presente
mesmo subjugado
google
a interrogações passadas
presentes ou futuras

é impessoal 
e ao mesmo tempo intransitivo
ilógico e racional
fluxo e movimento
transitório

desintegra nos gris
pra ressurgir nas cores 

assim como este poema,
assassina convenções
e capta na desordem 
 sístoles e diástoles
nas janelas do tempo.







  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

3 comments:

Dulce Morais said...

Querida Cris,
É mesmo a "pimenta do planeta", o poeta. E os teus versos, que se lêem hoje e se degustarão ao longo do tempo, nos dizem que do caos nascerá a beleza...
Beijinhos grandes!

Adriano Yamamoto said...

Cris, adorei seu poema. Achei fantástica a primeira parte:
"o instante
só se conjuga no presente
mesmo subjugado
a interrogações passadas
presentes ou futuras"

Parabéns!

Claudiane Ferreira de Souza da Silva said...

Se a conjugação só ocorre no presente, resta-nos viver esse tempo com todas as suas cores, dores e odores.

Saudades. Beijos.

Post a Comment

Publicações populares