Powered by Blogger.
RSS

DESAFIO DE NATAL 2014 - LIVRO DESAPEGADO - Por (Claudiane Ferreira)



"Para que não sejam sempre os mesmos a pedir  - e os mesmos a oferecer - os autores do Tubo de Ensaio - Laboratório das Artes decidiram este ano preparar presentes ao Pai Natal / Papai Noel.


São singelas prendas que desejamos aqui deixar para o velhinho de barbas brancas, para que ele saiba que merece a nossa gratidão pelo encanto que nos proporciona durante a celebração do Natal. 

Parte I - Presente ao Pai Natal / Papai Noel:

Pai Natal, meu bom velhinho, já fez os exames preventivos de próstata? Pergunto isso logo de supetão porque me preocupo com você e como sei que anda sempre ocupado com mil e uma coisas, não custa lembrá-lo do quanto essa atitude de levar um toque retal pode salvar a sua vida e, de quebra, não deixar órfãs as crianças que ainda acreditam em você.
Vou te contar um segredo, o pessoal do Tubo de Ensaio resolveu que esse ano nada iria pedir; que cada um de nós estava convidado a presenteá-lo. Então, aconselho também que faça um check-up no coração, para aguentar as surpresas que vem por aí.
Pai Natal, eu fiquei pensando, pensando...  Resolvi que o meu presente iria conter todos os autores que estiveram presentes, cada qual com a sua criatividade, no ano de 2014.

E foi assim, que nasceu a composição. O talento de cada colega se encontra em ordem alfabética, na cor azul.  E os links respectivos no final da postagem.

 De pessoa em pessoa
 Voa-se voa.
 Liberada a imaginação
 Destas palavras aqui reunidas
 No cabeçalho de sentimentos
 Muitas correram diretas de nossas veias...
 Rabiola de pipa perdida, avião de papel
 Pálidos reflexos de lembranças ficcionais
 Distraído
 De qualquer realidade
 Colho suas flores
 De todas as cores e te pergunto:
 Onde você tem depositado as suas memórias?
 Onde estão às características daqueles que passaram por sua vida?
 Qual é a paixão que te revela?
 Não é o vento
 Que faz passar o tempo
 Sou eu. És tu. Nós
 Moramos dentro dele? Ou ele em nós?...
 Só o vento caminhava pelas ruas. Samuel olhou para o céu estrelado e  pensou que já estava chegando o Natal.
 Caneta na mão escreveu
 não descanse no poleiro da ilusão;
 negue-se a si mesmo a desventura de pousar no lodo do egoísmo;
 Esqueça o repouso passageiro no galho da árvore venenosa
 do orgulho;
 Sorri
 Doce lembrança
 Cores, aromas, sons
 Breve embalo
 Estalido
 E quando se percebe
 Não há mais tempo
 Quando foi a última vez que você...
 ... Partilhou um pedaço de pão...
 O amor abre suas portas
 Cria seus caminhos
 Com pensamentos em volta
 Com o coração na mão
 Corro atrás da mais doce canção
 Aprisionada dentro do meu peito
 a minha saudade  tem um mar de recordações
 Remexo águas profundas
 Está na hora de soltar as amarras
 E colocar em prática cada sonho, cada anseio,
 Junto às palmas de minhas mãos com muita
 Sede de harmonia,
 banho de fantasia,
 soprei as nuvens ...
 Quando consegui voar pelo mundo, pousei de flor em flor, retirando o  néctar da vida.
 Experimentei sabores, gratidão, perdão ...
 Que sentido faz a vida? Essa coisa louca de contemplar...
 Dificuldades vão e vêm, mas elas não te detêm.            
 Sua alma cresce, transcende, passa dos Montes de Sinai.
 Me levo sempre junto com o que já fui de mim,
 Num tempo que era meu e eu era outro.
 Vi que chovia luz se mear
 Se semear amor ao vento
 Se moer toda divergência
 Se somar nossos talentos

"Está na hora de amar mais
 mais amor, por favor"
 O mundo pede paz. 

                                                             Imagem: José Suassuna
    Ao nosso Co-criador ( Claudemir Mena )peço um minuto de silêncio


Em tempo: Sei que você não sofre de Alzaimer, mas mesmo assim resolvi fazer um vídeo para você lembrar da criança que fomos e que ainda mora dentro do coração de cada poeta aqui representado.


Carlos Neves

Cássia Torres

Cláudio Castoriadis

Cris Campos

Danka Maia

Dulce Morais


E.P. Gheramer


Gilberto de Almeida

Isa Lisboa


Jéssica Morgan

Joel Garcia da Costa

Josué Brito

Kizy Lee

Manoel Marques


Marcilane

R.H . Andrade
Ronaldo Savazoni
Sandro Ernesto
Simon-Poeta



  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

10 comments:

Carlos NNeves said...

Isso me emocionou muito, Claudiane. É um carinho que se sente... Confesso que me senti muito importante.
Deus te abençoe e que esse carinho onde você anda semeando, frutifique 10, 20, 100 por um na vida de todos aqueles que tiverem a honra e a graça de nele andar.
Obrigado também ao Tubo de Ensaio por nos dar esse espaço de encontro e amizade.

Grande abraço!

E.P. GHERAMER said...

Adorei, Claudiane!
Igual a você não tem igual!
Que Deus continue a abençoá-la abundantemente, juntamente com todos o que lhe são queridos.
Um grande abraço e um FELIZ NATAL !!!

Gilberto de Almeida said...

Você foi presentear ao Papai Noel e acabou presenteando a todos nós com essa obra tão carinhosa! Muito obrigado, Claudiane. Seu gesto é tão belo que não há como retribuir...

Cristiane Vilarinho said...

Uauuuu... Parabéns a todos!
Maravilhoso!

Dulce Morais said...

Clau,
Você foi a primeira pessoa a solicitar entrada no Tubo e, recordo-me perfeitamente que naquele momento pensei: "Isto é uma loucura! Não sei como vou fazer girar este projeto sem o Dimi."
Durante umas semanas vivi na dúvida.
E depois aprendi a conhecer a sua sensibilidade, a sua amizade tão preciosa veio preencher a minha vida e você contribuiu a que tudo se faça bem e naturalmente.
Sem você, este Tubo não seria o que é!
Obrigada por tão belo presente ao Pai Natal, que é também um presente para cada um de nós!
O vídeo-surpresa foi uma ideia fantástica e só posso dizer:
Todos fomos meninos e meninas - sem juízo (quem sabe?) - e aqui estamos todos para lhe mostrar a nossa admiração sincera.
Beijos!

Danka Maia said...

Eu ameiiiiiiiiiiii amiga, emocionada!

Maristela Ormond said...

Simplesmente amei o presente e sabia que de Claudiane só poderia vir algo muito singelo e que aquecesse nossos corações. Obrigada fiquei emocionada... coisa que não é difícil... Obrigada pelo carinho, porque sei que o presente não foi somente para o Papai Noel, ele dividiu conosco. Beijos.

Isa Lisboa said...

Clau, se achei que o poema ficou lindo, o vídeo emocionou-me e fez correr lágrimas de saudade e gratidão. Muito obrigada por esse presente; é muito bom recordar essa fase que (felizmente!) ainda não morreu em mim e que espero que viva ou reviva no coração de todos!
Um beijinho

JG Costa said...

Parabéns aos autores pela criatividade! Abraços renovados!

Sandro Panografia said...

Não é exagero meu dizer que " AMO MEUS AMIGOS ", mesmo porque, "os amigos" é um bem mais que precioso que carregamos em nossos corações. Amigos são os melhores " cremes faciais " da face da terra e se não nos rejuvenescem, nos deixam abobados com cara de criança diante de presentes como este. Portanto minha amiga , receba toda minha gratidão em forma de um grande beijo em seu coração ! Amo você ( seu único defeito é morar perto da praia e tirar férias de mais de um ano de duração kkkkkkkkkkkkkk )

Post a Comment

Publicações populares