Powered by Blogger.
RSS

Sabe... Amar, só, vale a pena...

Imagem Web





Oi amor,
Sabe, eu já não me importo de amar sozinho,
eu me sinto tão completo nesse amor
que se você não me amar mais
eu amo por nós dois, e,
se você me esquecer não faz mal
porque eu não vou esquecer você,
se você não me quiser mais
que importância tem?
Eu já tive você
em mim!
Já experimentei teu sabor,
já tive seus beijos
em minha boca,
já tive sua rosa desfolhada
em meus lábios
e ninguém te sentiu
como eu senti,
ninguém te amou
como eu te amei!
Você nunca se sentiu
amada como eu amei você,
nem nunca sentirá,
nem nunca me arrependerei
de ter entregado meu corpo
de ter sido teu
de ter entregado
o que de mais valor tenho em mim
que é a minh'alma,
mas, minh'alma cheia,
repleta,
transbordante,
embebida e
embriagada
de amor por você!
Não!
Eu não me importo mais
de ter amado só, eu em você!
Se alguém perdeu, não fui eu
só foi você!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

4 comments:

Dulce Morais said...

Ronaldo,
O amor verdadeiro, aquele que atravessa fronteiras, não se desfaz por não ser correspondido, não desaparece por não ser retribuído. O amor, não é desejar que o outro nos ame; é desejar amar. Simplesmente amar.
Belíssimos versos!

Isa Lisboa said...

Alguém disse que não perde quem ama, mas sim quem não sabe ser amado...

Ronaldo Savazoni said...

Dulce, concordo com a primeira parte de seu comentário, porém, em relação à segunda, eu creio que quando amamos de verdade alguém, há sim um desejo incontido de ser amado e de sentir retribuído o sentimento, pois que é próprio de nossa natureza humana. No entanto, esse mesmo amor não deve "exigir" reciprocidade por ele mesmo, mas, somente por ser correspondido e, na ausência dela, o que nos compete é não desmerece-lo ou repudia-lo, mas amar o amor que se sentiu. Como um relicário...pois entendo que apreende-lo em mim só me fortalecerá, só me fará desfrutar melhor o próximo, enfim, só me preencherá. Abraços

Ronaldo Savazoni said...

Isa Lisboa, que bom receber você e seu comentário...muito grato, mesmo, de verdade. O amor é uma arte e como tal deve ser apreciado e entendido e, talvez por esse motivo, seja difícil amar e ser amado a um só tempo porque uma obra de arte pode nos dar varias facetas de entendimento e dificilmente duas pessoas encontrarão numa mesma, as mesmas características e a mesma beleza. Mas acredito que ser amado é ainda mais difícil do que amar. Ser o objeto da arte do que a arte em si mesma...Abraços Isa

Post a Comment

Publicações populares