Powered by Blogger.
RSS

À DERIVA


À DERIVA

Tá tudo À Deriva,
tá esquisito esta Vida,
não vislumbro prerrogativa,
na verdade tá sem perspectiva,
não há a mínima chance de ter alternativa,
não há o que se possa ter tentativa,
meu barco adernou, esta À Deriva.

O Tempo tá demorando,
o mar tá calmo demais,
as coisas estão tão iguais,
desse jeito, não aporto em nenhum cais,
mas também, pra que aportar
se tudo não mudara jamais,
não, não haverá sinais.

O barco da Vida tá À Deriva,
mas ainda bem que há muita especiaria,
pra fazer uma comida sem melancolia,
tentar melhorar a ortografia,
pra desopilar com uma singela Poesia .

( 20/09/2015 ) 


  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

1 comments:

Anonymous said...

"Tá tudo À Deriva,
tá esquisito esta Vida,"

Culpa da Dirma? Rsrs

Beijos no seu coração.

Claudiane Ferreira

Post a Comment

Publicações populares